Luís Carlos Garcia Cascão

Origem: Riachos

Géneros: percussão

Partilhe esta página

Nasceu no ano de 1972, em Riachos, e iniciou na filarmónica local os estudos musicais. Em 1990 ingressou na Banda do Exército, onde ainda presta serviço, com o posto de Sargento-Ajudante. Estudou, a partir de 1991, no Conservatório Nacional, tendo aulas de Percussão com o professor Carlos Voss. Concluiu em 2002 o curso de Percussão na Escola Superior de Música de Lisboa, sob a orientação de Carlos Voss e de Richard Buckley, com a classificação final de 18 valores.

É Mestre em Percussão tendo concluído na Escola Superior de Música de Lisboa sob a orientação do percussionista Pedro Carneiro, com a classificação final de 17 valores, nas variantes de Performance e Pedagogia.

Frequentou master classes de Percussão sob a orientação de Miguel Bernard, Dom Famularo, Robert Van Sice, Emanuel Sejourné e Ney Rosauro.

Na área de direção musical, fez também master classes com o maestro Jo Conjaerts.

Paralelamente, frequentou o curso de Professores do Ensino Básico, variante de Educação Musical, na Escola Superior de Educação de Lisboa.

Desde 1992 tem colaborado com várias formações, das quais se destacam a Orquestra Gulbenkian, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra Sinfónica Portuguesa, City of London Symphonia, Sinfonietta de Lisboa, Orquestra do Norte, tendo atuado em locais como Zurique, Xangai, Madrid, Munique, Pequim, Amsterdão, Genebra, Los Angeles, Berlim, entre outros.

Ao longo destes anos trabalhou com músicos de referência como Daniel Baremboim, Pinchas Zuckerman, Maxim Vengerov, Angela Georghiu, Arcadi Volodos, entre outros.

No âmbito dos Encontros Gulbenkian de Música Contemporânea colaborou com a Orquestra Sinfónica de Tóquio, com o Grupo de Percussão de Strasbourg, com o Ensemble Intercomtemporain e com o STX-Ensemble Xenakis.

Foi membro da Orquestra Sinfónica Juvenil, na posição de chefe de naipe da Percussão.

Tem actuado em agrupamentos de música de câmara, nomeadamente com o Quarteto de Clarinetes de Lisboa, Grupo de Metais do Seixal, Grupo de Música Contemporânea de Lisboa, Quarteto de saxofones Saxofínia etc.

Já ministrou cursos de percussão em Portalegre, Covilhã, Açores, Abrantes, Leiria, Caldas da Rainha, Alcobaça, entre outras localidades, tendo dirigido algumas destas formações enquanto formador do Inatel.

Actualmente lecciona Percussão no Conservatório de música D Dinis na Póvoa de Santo Adrião.

Colabora regularmente com a RTP na qualidade de assistente musical.