Liliana Nogueira

Origem: Braga

Géneros: soprano

Partilhe esta página

Liliana Andreia Dias Nogueira, iniciou os seus estudos  musicais no Conservatório de Música Calouste Gulbenkian de Braga, com apenas seis anos, onde começou por aprender flauta de bisel e piano com os professores António Matos e Ema Pais Martins, entretanto no primeiro ano do ensino complementar  inicia o estudo do canto e violoncelo com as professoras Manuela Bigail e Paula Almeida.

Ingressa no Conservatório Superior de Música de Vigo, onde se licencia em canto lírico sob a orientação dos professores Teresa Novoa e Alejo Amoedo.

Tem-se apresentado frequentemente em ópera, concerto e recital.

Os seus papeis incluem: Belinda  da ópera “Dido e Eneas” de H. Purcell, no auditório Martin Códax de Vigo;  Fiordiligli de “Cosi fan tutte” de W.A.Mozart no Teatro Salone di Italia em Poirino- Turim, Itália, e no Auditório Martin Códax de Vigo; Donna Anna da ópera “Don Giovanni” de Mozart sob a direção do Maestro Pedro Amaral e a orquestra Metropolitana de Lisboa, no Fórum Luisa Todi (Setúbal) e Centro Cultural de Belém; Contessa di Almaviva em “Le Nozze di Figaro” de W.A.Mozart sob a direção do Maestro Pedro Amaral e a orquestra Metropolitana de Lisboa, no Fórum Luisa Todi (Setúbal) e Centro Cultural de Belém e no Teatro Thalia (Lisboa). Em Zarzuela com “Las de Cain” de Pablo Sorozabal, no Auditório Martin Códax de Vigo.

Em Concerto Sinfónico cantou  “David” de Stephen Melilo, sob a direção do Maestro Javier Viceiro, no auditório Martin Códax de Vigo;  com a ONJ no Festival de Música da Figueira da Foz,  “Carmina Burana” de Carl Orff, sob direção do maestro Pedro Neves; 9ª Sinfonia de Beethoven no Theatro Circo em Braga, sob a direção do Maestro António Batista, e no Grande Auditório do Centro Cultural de Belém sob a direção do Maestro Garry Walker.

No âmbito da Música Sacra cantou “Stabat Mater de G.B. Pergolesi; o motete “Exultate Jubilate” de W.A.Mozart; “Glória” de A. Vivaldi; a cantata “Jauchzet Gott in allen Landen” de J.S.Bach e a oratória “Lobet Gott in seinen Reichen” de J.S.Bach sob a direção do maestro Hans-Cristoph Rademann no pequeno auditório do Centro Cultural de Belém.

É membro fundador da Associação Lírica Art´eMúsica, e forma parte da Associacíon Lírica Encantados (Corunha-Espanha) e Associazione Vissi d´Arte (Turim-Itália), na qual participa ativamente em diversas montagens e recitais.

Em recital apresentou-se em várias salas, auditórios e igrejas nacionais  e internacionais bem como em vários Ciclos de Concertos nomeadamente  da Associação Monsterrat Caballe, na sala Nobre da Universidade de Santiago de Compostela – Espanha.

Foi vencedora do Concurso de Jovens Músicos “David Russel” (Vigo-Espanha) e obteve o 2º prémio e prémio de melhor interpretação de Lied na  8ª edição do Concurso de Canto da Fundação Rotária Portuguesa; foi finalista do Concurso “Totti dal Monte” (Teatro Comunale di Treviso- Itália); Concurso de canto desenvolvido pela Associação Rotária Portuguesa (Teatro San Luiz em Lisboa, e no Pequeno Auditório do Centro Cultural de Belém em Lisboa), e também no Concurso Internacional de ópera (Teatro S.Carlos em Lisboa) com a Orquestra Sinfónica Portuguesa.

Trabalhou em masterclasses com Pedro Lavirgen, Miguel Zanetti, Patricia Macmahon, Enza Ferrari, Ana Paula Russo, Luís Girón May, Peter Harrison, Diana Somkieva, Beatriz Riobó, Jorge Vaz de Carvalho, Paulo Ferreira.

Estende a sua formação lírica com a soprano Susy Dardo e o pianista Paolo Grosa (Turim, Itália)

Atualmente frequenta o mestrado em performance de canto sob a orientação da professora Isabel Alcobia (Universidade de Aveiro, Portugal).